Connect with us

Anápolis

Portaria estabelece regras para retorno 100% presencial das aulas em Anápolis

Publicado

em

O Diário Oficial do Município que circula nesta quarta-feira, 20/10, trouxe a Portaria Conjunta nº 01/2021, assinada pelos secretários Júlio César Spíndola (Saúde) e Eerizânia Eneas de Freitas (Educação), estabelecendo condições para que boa parte dos alunos da rede municipal de ensino possam ter o retorno 100% presencial às aulas.

Prioritariamente, de acordo com a Portaria 01/2021, o retorno 100% presencial será para as turmas de 1º ano- alfabetização; 5º e 9º anos do ensino fundamental.

Isso, desde que seja obedecido o distanciamento mínimo de 1 metro entre estudantes, além do atendimento às demais medidas de controle e combate à Covid-19, conforme as definições contidas no Decreto Municipal nº 46.813/2021.

Pensando a educação

As turmas que poderão retornar de forma 100% presencial deverão ser remanejadas para salas de aulas maiores, a fim de que o distanciamento seja respeitado.

Outras turmas

Medidas de segurança serão adotadas para a volta 100% presencial
A Portaria 01/2021 dispõe que nas unidades da rede municipal de ensino, especificamente, nas turmas de Educação Infantil- Creche (Infantil I, II e II), Pré-Escola (Infantil IV e V) e Ensino Fundamental- 1ª Fase (2º, 3º e 4º ano) e 2ª Fase (6º, 7º e 8º ano), a ocupação poderá ser de até 60%, também obedecendo o distanciamento de 1 metro entre os estudantes e o atendimento às demais medidas de controle e combate à Covid-19.

O dispositivo aponta que a prioridade para essas turmas será dada aos estudantes que não possuem acesso à internet ou aos meios de tecnologia para acompanhamento dos conteúdos.

Em relação à duração das aulas, a Portaria considera para o seu efeito o disposto na Resolução nº 5 do Conselho Municipal de Educação, de 22 de janeiro de 2020, que aprovou a Matriz Curricular do Ensino Fundamental, Anos Finais e Iniciais (1º ao 9º ano), contemplando 200 dias letivos sem ultrapassar o 5º ano, com jornada de 4 horas de efetivo trabalho escolar em sala de aula e nos anos finais com horas/aula de 50 minutos.

Continuar Leitura
Clique para deixar um comentário

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Anápolis

Mário Sérgio Cortella abre congresso promovido pela UEG em Anápolis

Publicado

em

Dos dias 1º a 3 de dezembro será realizado o VIII Congresso de Ensino, Pesquisa e Extensão da Universidade Estadual de Goiás (Cepe|UEG), evento já tradicional para a comunidade acadêmica. O Cepe é o maior evento da UEG a congregar todas as áreas de formação e conhecimento e ocorrerá nos períodos matutino, vespertino e noturno, com palestras, simpósios temáticos, minicursos, mesas-redondas, oficinas e apresentações de trabalhos. A abertura do evento será realizada pelo reitor da UEG, Antonio Cruvinel, e os pró-reitores da Universidade. O Congresso ocorrerá de forma on-line, com transmissão pelo canal do YouTube da UEG TV.

A conferência de abertura do evento será realizada pelo professor, escritor e filósofo Mário Sérgio Cortella. Como ponto de partida, ele traz a palestra intitulada “Os rumos da universidade pública no pós-pandemia, com foco nas relações humanas entre professores, técnicos e alunos”. O palestrante, reconhecido nacional e internacionalmente, é formado em Filosofia, mestre e doutor em Educação. Ao todo, já publicou 47 livros publicados no Brasil e exterior.

Neste ano de 2021, o VIII Cepe tem como tema “Desafios e perspectivas da universidade pública para o pós-pandemia”. A proposta é debater os novos rumos da educação superior. “As atividades propostas pelo Cepe proporcionam uma troca de saberes muito rica e contribuem para garantir a interatividade e conexão entre os participantes. Por ser transmitido via UEG TV, o evento garante, ainda, a participação de interessados de todas as regiões do nosso Estado e até mesmo fora dele, facilitando o acesso e ampliando ainda mais a abrangência da nossa Universidade”, comemora o reitor da UEG, Antonio Cruvinel.

Recorde


O VIII Cepe bateu recorde no número de inscritos. Ao todo, foram 576 trabalhos submetidos por acadêmicos bolsistas e docentes vinculados às ações de Ensino, Pesquisa e Extensão da UEG e 2.021 pessoas inscritas, contemplando toda a comunidade acadêmica. As inscrições para participar do evento e obter certificado já estão encerradas, no entanto, toda a programação poderá ser acompanhada pela UEG TV. As publicações do VIII Congresso de Ensino, Pesquisa e Extensão da UEG podem ser acessadas no www.cepe.ueg.br .

Continuar Leitura

Anápolis

Recanto do Sol recebe van do Procon Anápolis até 3 de dezembro

Publicado

em

Depois de realizar mais de cem atendimentos na Praça Americano do Brasil, no centro, o serviço móvel de atendimento do Procon Anápolis estará disponível para moradores da região do Recanto do Sol, em frente ao CMEI Desembargador Air Borges, das 9h às 16h, de segunda a sexta-feira, 3, oferecendo os mesmos serviços que o cidadão encontra na sede, como reclamações. A escolha do cronograma leva em consideração os bairros em que houve maior número de registros por parte dos moradores.

O Bairro de Lourdes será o próximo beneficiado. A van ficará estacionada em frente à unidade de saúde da família entre os dias 6 e 10 de dezembro também de 9h às 16h. Já o Bairro Paraíso receberá a unidade móvel entre os dias 13 a 17 de dezembro e ficará estacionado em frente ao Cais Abadia Lopes da Fonseca. A última região contemplada neste ano será a Praça Bom Jesus, no centro, entre os dias 20 a 23 de dezembro, ambos no mesmo horário.

“A ideia é continuar o trabalho no ano que vem para aproximar ainda mais o Procon da população”, afirma o diretor Wilson Velasco.

Continuar Leitura

Anápolis

Prazo para regularizar imóveis em Anápolis termina no dia 31 de dezembro.

Publicado

em

Termina no dia 31 de dezembro, o prazo final para que moradores possam fazer a regularização de seus imóveis sem o pagamento de multas.

Todos que construíram ou ampliaram seus imóveis sem o álvara devem fazer a regularização, além de evitar multas que variam de R$1 a R$100m², estar com o imóvel irregular inviabiliza recebimento de benefícios sociais como o cheque moradia e dificulta a venda do imóvel, pois a Caixa Econômica Federal não faz o financiamento sem a Carta de Ocupação ou o Habite-se..

Além disso, há empecilhos na hora de se fazer o inventário – levantamento de todos os bens de uma pessoa antes da morte – e impede legalmente o desdobro, que é o parcelamento do lote para formação de outros. Outro fator importante, é que os comércios que não estão regularizados não conseguem tirar o alvará de funcionamento.

Como regularizar?

Os interessados em regularizar seus imóveis devem procurar uma empresa de engenharia que ficará responsável por toda a elaboração do projeto e inclusive com a parte Burocrática. Em Anápolis a empresa mais procurada para regularização é a Carvalho Engenharia, além de *parcelar em até 10X, o cliente começa a pagar somente em fevereiro de 2022**, e cuida de todo o processo até que a carta de Habite-se esteja nas mãos do cliente. Para os interessados em fazer um orçamento, devem ligar no número, (62)981243015 / https://wa.me/556281243015

Continuar Leitura

Em alta