Connect with us

Anápolis

Maior empreendimento de Anápolis entra para a história da cidade

Publicado

em

Reconhecida pela história do jumento que escolheu o terreno para a construção da primeira igreja da cidade, Anápolis é hoje responsável por uma das maiores economias do estado de Goiás. Contribuindo para o desenvolvimento local, o mixed-use Gran Life está localizado ao lado da Paróquia Sant’Ana e, segundo o coordenador e gerente de contratos da ABL Prime, Alessandro Araújo, todas as medidas de precaução foram tomadas minuciosamente para reter qualquer tipo de dano à igreja histórica da cidade.

“Nosso empreendimento está situado no primeiro lote da cidade, no mesmo local onde tudo começou. Respeitamos a fé do anapolino e fazemos questão de ajudar a preservar essa bela história do local”, diz.

Para o gerente comercial da ABL Prime, Robério Siquiero, a escolha de Anápolis foi perfeita, pois já é um grande polo de negócios e tem todos os requisitos para receber o complexo, que além de ser residencial, engloba shopping, área business e centro médico.

O Gran Life terá 156 apartamentos de até 77m², área de lazer completa para crianças, jovens, adultos e idosos e ainda serviços pay-per-use (limpeza, cuidado de idosos, banho e passeio pet, concierge, babá, personal trainer, lava car, carro e bicicleta compartilhada).

Já o shopping terá 55 lojas e a área business contará com 249 salas. O centro médico de referência tem 11 pavimentos clínicos com acessibilidade e praticidade, 120 leitos, seis salas de cirurgia e heliporto. A estimativa é que 8 mil pessoas passem pelo local mensalmente.

O gerente de relacionamento Thiago Gomes da Trinnus, parceira e investidora da ABL Prime, conta que o projeto além de inovador significa grande marco econômico para Anápolis, atuando ativamente para o desenvolvimento local, com dedicação e respeito a história da cidade de “Sant’Ana”.

Na opinião do arquiteto responsável pelo projeto, Flávio Aleixo, que também é cidadão anapolino, participar do projeto do Gran Life é um grande orgulho. “É mais do que um trabalho. Significa ver minha cidade natal prosperando com esse projeto que vai impactar positivamente os anapolinos”, aposta o arquiteto, que assina projetos em países africanos, europeus e sul-americanos.

Diretor da ABL Prime, Calil Musse também faz questão de participar estreitamente de todo o andamento do empreendimento. Para Calil, que é engenheiro de formação, o Gran Life é referência regional na construção, contando com equipamentos modernos e planejado com total seriedade e segurança para a população.

“Estamos muito felizes com a receptividade dos anapolinos, agradecemos por acreditarem em nosso potencial e confiarem em nossos serviços. Isso reforça a nossa caminhada vitoriosa na cidade de Anápolis”, completa Calil.

Continuar Leitura
Clique para deixar um comentário

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Anápolis

Recanto do Sol recebe van do Procon Anápolis até 3 de dezembro

Publicado

em

Depois de realizar mais de cem atendimentos na Praça Americano do Brasil, no centro, o serviço móvel de atendimento do Procon Anápolis estará disponível para moradores da região do Recanto do Sol, em frente ao CMEI Desembargador Air Borges, das 9h às 16h, de segunda a sexta-feira, 3, oferecendo os mesmos serviços que o cidadão encontra na sede, como reclamações. A escolha do cronograma leva em consideração os bairros em que houve maior número de registros por parte dos moradores.

O Bairro de Lourdes será o próximo beneficiado. A van ficará estacionada em frente à unidade de saúde da família entre os dias 6 e 10 de dezembro também de 9h às 16h. Já o Bairro Paraíso receberá a unidade móvel entre os dias 13 a 17 de dezembro e ficará estacionado em frente ao Cais Abadia Lopes da Fonseca. A última região contemplada neste ano será a Praça Bom Jesus, no centro, entre os dias 20 a 23 de dezembro, ambos no mesmo horário.

“A ideia é continuar o trabalho no ano que vem para aproximar ainda mais o Procon da população”, afirma o diretor Wilson Velasco.

Continuar Leitura

Anápolis

Prazo para regularizar imóveis em Anápolis termina no dia 31 de dezembro.

Publicado

em

Termina no dia 31 de dezembro, o prazo final para que moradores possam fazer a regularização de seus imóveis sem o pagamento de multas.

Todos que construíram ou ampliaram seus imóveis sem o álvara devem fazer a regularização, além de evitar multas que variam de R$1 a R$100m², estar com o imóvel irregular inviabiliza recebimento de benefícios sociais como o cheque moradia e dificulta a venda do imóvel, pois a Caixa Econômica Federal não faz o financiamento sem a Carta de Ocupação ou o Habite-se..

Além disso, há empecilhos na hora de se fazer o inventário – levantamento de todos os bens de uma pessoa antes da morte – e impede legalmente o desdobro, que é o parcelamento do lote para formação de outros. Outro fator importante, é que os comércios que não estão regularizados não conseguem tirar o alvará de funcionamento.

Como regularizar?

Os interessados em regularizar seus imóveis devem procurar uma empresa de engenharia que ficará responsável por toda a elaboração do projeto e inclusive com a parte Burocrática. Em Anápolis a empresa mais procurada para regularização é a Carvalho Engenharia, além de *parcelar em até 10X, o cliente começa a pagar somente em fevereiro de 2022**, e cuida de todo o processo até que a carta de Habite-se esteja nas mãos do cliente. Para os interessados em fazer um orçamento, devem ligar no número, (62)981243015 / https://wa.me/556281243015

Continuar Leitura

Anápolis

Wederson Lopes defende projeto de sua iniciativa que prevê aproveitamento de sobras de materiais de construção

Publicado

em

Wederson Lopes ressaltou que as sobras de materiais de construção, que não serão aproveitados em outras obras por construtoras, podem ser utilizadas pelo poder público para reparos em calçadas, praças, postos de saúde, escolas, entre outros.

O projeto votado na Câmara autoriza o Executivo a receber e aproveitar esses materiais em obras públicas. A regulamentação, lembrou Wederson Lopes, será feita pela própria administração municipal.

Disse ainda que será recebido e aproveitado o material que for de interesse do município. Lembrou ainda que em suas redes sociais foi feita sugestão para que parte desse material de construção para apoiar famílias carentes, situação que segundo ele pode ser inserido na regulamentação por parte da Prefeitura.

Continuar Leitura

Em alta