Connect with us

Goiás

Confira aqui as 10 mais gostosas comidas típicas de Goiás

Publicado

em

As comidas típicas de Goiás são as mais gostosas do Brasil. Sem falar que os pratos em Goiânia e no interior são os mais bem servidos do mundo. Se você acha que é exagero, está precisando visitar Goiânia, Anápolis, Caldas, Goiás Velho e Pirenópolis ou qualquer cidade do estado pra provar essas delícias.

Venha conferir a seleção do GUIA SOU MAIS de pratos típicos do estado e conheça um pouco mais sobre esta culinária rica de Goiás:

Arroz com pequi

O pequi é um fruto característico do cerrado muito presente na culinária goiana. De sabor forte e bem marcante, é comum servir o fruto dentro de risotos ou acompanhando frango. O arroz com pequi, por exemplo, é o maior exemplo de uso da fruta dentro desta culinária: o arroz é cozido junto com o fruto, podendo ser acrescidos milho, temperos e guariroba (um palmito típico da região).

Galinhada

Muito conhecida em todo Brasil, a galinhada já ganhou diversas interpretações em todas as regiões do país — até o renomado chef Alex Atala tem uma versão da receita! Mas é em Goiás que ela encontra e preserva suas origens: parecida com o arroz com pequi, é feita com frango caipira, cúrcuma, milho, guariroba, pimenta-de-cheiro e muita cebolinha, além do pequi e arroz, ou seja, uma espécie de risoto delicioso e com sabores únicos do cerrado!

Pamonha goiana


Outro prato que ganhou o Brasil, mas que em Goiás é tradição: a pamonha. A massa, feita de milho, é servida recheada com queijo à moda goiana. Mas isso não é regra: pode ser feita de acordo com a preferência de cada um e servida de várias maneiras diferentes! Com frango, creme de pequi, jiló, linguiça calabresa, ou até na forma doce, como sobremesa! As opções são infinitas e para todos os gostos!

Empadão goiano


O empadão é um prato muito consumido no Brasil, admitindo diversas receitas e maneiras de servir. A versão goiana é bem temperada e suculenta, podendo ser recheada com carne de porco ou de boi, mas tradicionalmente é usado o frango caipira. Trata-se de uma espécie de torta salgada com massa fina e porosa, que pode ser recheada de variadas formas, assumindo muitos sabores — e todos maravilhosos!

Biscoito de queijo


Parecido com o nosso querido pão de queijo, o biscoito de queijo é muito consumido pelos goianos. A massa é assada, feita com polvilho, ovos, leites e queijo, e desmancha na boca! Tradicionalmente é modelado em formas de rosquinhas. É o acompanhamento ideal pra qualquer cafezinho!

Panelinha


A panelinha é uma receita muito tradicional dos goianos. Trata-se de arroz e carnes preparados e juntos, numa mesma panela – normalmente é feita em uma panela de barro. Existem diversos sabores de panelinha, mas os mais tradicionais são o frango caipira e carne de sol. Existem diversas maneiras de prepará-la, mas o que não pode faltar é o açafrão, a pimenta-de-cheiro e, claro, o pequi, três sabores característicos da culinária goiana. Além disso, também é comum que seja servida com uma generosa cobertura de queijo derretido e uma pimenta inteira pra decorar.

Mané pelado


Normalmente consumido no lanche da tarde, o mané pelado é um bolo de mandioca feito com mandioca, queijo ralado, coco, açúcar e ovos. É uma delícia super consumida nos lares goianos, que vai muito bem com um cafezinho!

Pastelinho


O pastelinho se assemelha ao famoso pastel de belém, porém é recheado com doce de leite. Sua massa é feita com manteiga, banha de porco, farinha de trigo, leite, ovos e canela, e é assada parecida com uma tartelete.

Doces em compota

Os doces em compota  são muitos famosos em vários estados no Brasil. Em Goiás, eles são muito consumidos e adorados, aparecendo de diversas formas e com os mais variados sabores, como cajuzinho, fruta típica do cerrado que parece um caju, de cor vermelha bem viva.

X-Tudo do Pitdog


Ninguém sai da balada em Goiânia sem passar no pit-dog depois. Mas afinal, o que é um pit-dog? Essa palavra que já faz parte do dicionário goiano se refere a pequenas lanchonetes de rua, a maioria no meio das praças das cidades. No cardápio, sanduíches de todo tipo. O que mais sai é o X-Tudo, um hambúrguer mata-fome que leva queijo, ervilha, milho, presunto, salsicha, ovo e qualquer coisa que você imaginar.

Goiás

Morre o filho mais novo do governador Ronaldo Caiado

Publicado

em

O filho mais novo do governador Caiado, Ronaldo Filho, morreu neste domingo (3). Ainda não há informações sobre a causa da morte.

O governador estava na missa de encerramento da Festa de Trindade e saiu às pressas juntamente com a primeira-dama Gracinha Caiado.

Aguarde atualização!

Continuar Leitura

Goiás

GOIÁS ALTERA CALENDÁRIO DE PAGAMENTO DO IPVA 2022; CONFIRA NOVAS DATAS

Publicado

em

O governo de Goiás, por meio da Secretaria da Economia, alterou provisoriamente o calendário de pagamento do IPVA (Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores) 2022. Confira abaixo as novas datas.

Pela Instrução Normativa da Secretaria da Economia divulgada em dezembro do ano passado, o contribuinte com a placa de final 1 deveria pagar a segunda parcela no dia 24 de fevereiro. Agora passou para 2 de maio. O motorista com a placa de final 2 deveria pagar a segunda parcela em 3 de março. Agora a data é 3 de maio. Já o motorista com placa de final 3 pagaria a a primeira parcela em 3 de março. A nova data agora será 4 de abril.

De acordo com o subsecretário da Receita Estadual, Aubirlan Borges Vitoi, também foram alterados os prazos para o pagamento da segunda parcela. Agora, os motoristas com carros de placas finais 1, 2 e 3 tem até um prazo maior para fazer o pagamento do imposto e de licenciamento de 2022. O vencimento passou para maio, em dias alternados.

Os motoristas com placas final 7, 8,9 e 0 começam a pagar a primeira parcela em julho e a última a partir de setembro.

O Governo de Goiás enviou projeto de Lei para a Assembleia Legislativa para parcelar o IPVA em 10 vezes. Desta forma, outras mudanças no calendário poderão ser feitas caso o projeto seja aprovado.

Veja como está o calendário atual:

Final de placa – 1ª parcela – 2ª parcela – 3ª parcela

Placa final 1 – 27 de janeiro/ 2 de maio/ 2 de junho

Placa final 2– 3 de fevereiro/ 3 de maio/ 3 de junho

Placa final 3– 4 de abril/ 4 de maio/ 6 de junho

Placa final 4– 5 de abril/ 5 de maio/ 7 de junho

Placa final 5– 4 de maio/ 2 de junho/ 5 de julho

Placa final 6– 2 de junho/ 5 de julho/ 3 de agosto

Placa final 7– 5 de julho/ 3 de agosto/ 5 de setembro

Placa final 8– 3 de agosto/ 5 de setembro/ 4 de outubro

Placa final 9- 5 de setembro/ 4 de outubro/ 3 de novembro

Placa final 0– 4 de outubro/ 3 de novembro/ 30 de novembro

Continuar Leitura

Goiás

Começa cadastro para entrega de 700 escrituras em bairros de Senador Canedo

Publicado

em

Cerca de 700 famílias serão beneficiadas com a regularização fundiária em bairros de Senador Canedo. A princípio, o programa da Agência Goiana de Habitação – Agehab, regulamentará a Vila São João e Jardim das Oliveiras.

Atualmente, as famílias desses bairros tem apenas uma espécie de contrato de gaveta. Com a regulamentação totalmente gratuita da AGEHAB, essas famílias terão a garantia e tranquilidade em ter a escritura do seu imóvel em mãos.

O Governo de Goiás, por meio da Agência Goiana de Habitação (Agehab), iniciou o cadastramento das famílias do bairro Jardim das Oliveiras, em Senador Canedo. Serão 480 famílias beneficiadas no Jardim das Oliveiras e 218 famílias na Vila São João.

Todos serão visitadas por profissionais credenciados em suas residências. Para realizar o cadastro, será necessário apresentar identidade, CPF, comprovante de endereço; comprovante de renda e termo de assentamento ou posse.

Também será realizado um questionário sobre perfil socioeconômico da família. Todos os funcionários que realização o cadastramento estarão com crachás e um colete verde. Em caso de dúvidas sobre o funcionário, o morador pode entrar em contato com a empresa responsável pela equipe (Platec) no (62) 99613-5321 ou na Agehab pelo (62) 3096-5050.

O presidente da Agehab, Pedro Sales, avaliou que os diferentes programas garantem aspectos importantes que fazem parte do conceito de moradia digna.

“Apoiar as famílias no pagamento do aluguel, conceder moradia digna a custo zero ou com uma parcela mais baixa que caiba no orçamento da família, ou ainda dar segurança jurídica para o morador com a entrega gratuita da escritura. Tudo isso ajuda cada família a conquistar mais dignidade, autonomia financeira e a melhorar de vida. Esse é o objetivo da Agehab e determinação do governador Ronaldo Caiado, garantir moradia digna para o maior número possível de goianos”, afirmou o presidente.

Regularização municipal

Na cidade, além da regulamentação realizada pelo governo do estado, o Residencial Dona Lindú, está sendo regulamentado pela prefeitura. Senador Canedo também pretende continuar a regulamentação em outros bairros da cidade.

“Esse benefício é de extrema importância para essas famílias. Ter a escritura do imóvel em mãos é uma segurança bem maior”, afirma Taynara de Linos, coordenadora de regularização fundiária municipal.

Continuar Leitura

Em alta